Estamos migrando o conteúdo do antigo portal da PMPA. Se não encontrar o que está procurando, tente visitar o site antigo (link abre em nova janela).
Ponte do rio Guaíba iluminada durante a noite

Conheça Porto Alegre

Saiba sobre a cidade

História

A cidade de Porto Alegre tem como data oficial de fundação 26 de março de 1772, com a criação da Freguesia de São Francisco do Porto dos Casais, um ano depois alterada para Nossa Senhora da Madre de Deus de Porto Alegre. O povoamento, contudo, começou em 1752, com a chegada de 60 casais portugueses açorianos trazidos por meio do Tratado de Madri para se instalarem nas Missões, região do Noroeste do Estado que estava sendo entregue ao governo português em troca da Colônia de Sacramento, nas margens do Rio da Prata. A demarcação dessas terras demorou e os açorianos permaneceram no então chamado Porto de Viamão, primeira denominação de Porto Alegre.

 

Foto antiga da construção de Porto Alegre

 


Em 24 de julho de 1773, Porto Alegre se tornou a capital da capitania, com a instalação oficial do governo de José Marcelino de Figueiredo. A partir de 1824, passou a receber imigrantes de todo o mundo, em particular alemães, italianos, espanhois, africanos, poloneses, judeus e libaneses. Este mosaico de múltiplas expressões, variadas faces e origens étnicas, religiosas e linguísticas, faz de Porto Alegre, hoje com quase 1,5 milhão de habitantes, uma cidade cosmopolita e multicultural, uma demonstração bem sucedida de diversidade e pluralidade.


Foi a ferro e fogo que Porto Alegre construiu a sua história. A capital do Rio Grande do Sul é também a capital dos Pampas, como é conhecida a região de fauna e flora características formada por extensas planícies que dominam a paisagem do Sul do Brasil e parte da Argentina e do  Uruguai. É nessa região que nasceu o gaúcho, figura histórica, dotada de bravura e espírito guerreiro, resultado de lendárias batalhas e revoltas por disputas de fronteiras entre os Reinos de Portugal e Espanha, a partir do século XVI.


As revoltas se sucederam, mas foi o século XIX que marcou o seu povo, após uma longa guerra por independência contra o Império Português. A chamada Guerra dos Farrapos se iniciou com um enfrentamento ocorrido na própria capital, nas proximidades da atual ponte da Azenha, no dia 20 de setembro de 1835. Mesmo sufocado, foi este conflito que gravou na história o mito do gaúcho e é até hoje cantado em hino, comemorada em desfiles anuais e homenageada com nomes de ruas e parques.


Com o fim da Guerra dos Farrapos, a cidade retomou seu desenvolvimento e passa por uma forte reestruturação urbana nas últimas décadas do século XVIII, movida principalmente pelo rápido crescimento das atividades portuárias e dos estaleiros. O desenvolvimento foi contínuo ao longo do tempo e a cidade se manteve no centro dos acontecimentos culturais, políticos e sociais do país como terra de grandes escritores, intelectuais, artistas, políticos e acontecimentos que marcaram a história do Brasil.


Geografia

A área de Porto Alegre, de  496,684 km2 , é um ponto de encontro de distintos sistemas naturais que imprimem uma geografia diversificada à cidade. Um anel de morros graníticos com 730 milhões de anos emoldura a região de planície onde está o grande centro urbano da cidade, ocupando 65% de seu território. Os morros fazem parte de uma plataforma originada de rochas que se fundiram sob pressão e calor intensos no interior da terra e depois emergiram, elevando-se à altura de montanhas. Hoje, desbastadas e fendidas pela erosão de milhões de anos, formam pequenos morros de cume arredondados que dominam a paisagem da capital. O Morro Santana, com 311 m de altura, é o ponto mais alto, com matas e campos nativos, cachoeiras, banhados, charcos, lagos, córregos e cascatas.

Esta formação geológica foi uma espécie de contenção natural para a ocupação do município em direção à zona sul, e contribuíu para que Porto Alegre conserve 30% de seu território como área rural, a segunda maior entre as capitais brasileiras.

 

Beira do rio com montanhas ao fundo

 

Outra parte do território da Capital, cerca de 44 km², estão distribuídos em 16 ilhas do Lago Guaíba sob jurisdição do município. O lago contorna a cidade numa extensão de 70 km de orla fluvial a expressão geográfica mais marcante da capital gaúcha. O conjunto de ilhas, parques e de áreas de preservação natural, somado à área rural e ao elevado índice de arborização das vias públicas, fazem de Porto Alegre uma cidade verde, acima do recomendado pela organização Mundial da Saúde (OMS).

Outros dados:

Fundação oficial: 26 de março de 1772 
Localização: Latitude – 30° / Longitude W – Greenwich 51°. Capital mais meridional do Brasil
Altitude: 10 m 
Área:  496,684 km2 
Relevo: A cidade ocupa uma área de planície circundada por 40 morros que abrangem 65% da sua área. É limitada pela orla fluvial do lago Guaíba, de 72 quilômetros de extensão.
População: 1.409.351  (Fonte: IBGE - Censo Demográfico 2010 ) 

 

Uma cidade Plural 

Porto Alegre tem pluralidade cultural e a vocação para a diversidade se refletem em uma rica gastronomia, nas diversas opções de vida noturna, atrações culturais e lazer. Este mosaico, somado aos cenários e o clima distintos das demais regiões do Brasil, faz da capital dos gaúchos - como são chamados os que nascem no Estado do Rio Grande do Sul - um destino que cativa aqueles que descobrem seus encantos.


Mobilidade

Porto Alegre conta com diferentes modais para deslocamento. O Aeroporto Internacional Salgado Filho, por exemplo, é um dos poucos aeroportos do país com três modais integrados: aeromóvel, trem e linhas urbanas. Além disso, tanto a rodoviária como o aeroporto se localizam a pouca distância do Centro Histórico da cidade.

 

Carros e ônibus transitando pela cidade com sol ao fundo


Hospedagem

O parque hoteleiro de Porto Alegre é diversificado e de excelente padrão para atender a diversos públicos em todos os requisitos de conforto e serviços. Os bairros de maior concentração de hotéis e hostels são Moinhos de Vento, Centro Histórico, Cidade Baixa, Bom Fim, Menino Deus, Floresta, Três Figueiras e a região do Aeroporto Salgado Filho.


Gastronomia

Por aqui a carne é consagrada, mas a cena gastronômica vai muito além das churrascarias. A culinária de Porto Alegre é múltipla, criativa e repleta de influências.
Além do churrasco, do famoso “xis salada” (a versão local do hambúrguer) e das sobremesas típicas da mesa gaúcha, como sagu e o arroz doce, o visitante encontra excelentes opções em bistrôs, cafés, cozinha vegetariana e a culinária contemporânea. Além disso, esta é considerada a capital das micro cervejarias artesanais do Brasil, com cerca de 25 estabelecimentos, o que confere mais um atrativo turístico e gastronômico à Capital.

 

Churrasco gaúcho com fogo de chão


Roteiros

Aproveite as atrações culturais, a boa gastronomia e o prazer de compartilhar com os moradores as múltiplas atividades ao ar livre fazendo da capital do Rio Grande do Sul um destino atraente para se passar alguns dias ou fazer uma escala antes ou depois de seguir viagem para outros destinos.


Centro Histórico

Uma boa maneira de começar a descobrir Porto Alegre é pelo Centro Histórico, onde história e cultura formam um museu a céu aberto. Mais de 80% do patrimônio arquitetônico da Capital está nesta região: são museus, teatros, centros culturais, bibliotecas, igrejas, praças e monumentos, o que sugere uma bela caminhada:


Mercado Público Central: o prédio de 1869 tem mais de cem bancas de especiarias nacionais e importadas, produtos regionais, religiosos, artesanais, entre outras opções. Restaurantes (alguns centenários), cafés, lanchonetes e feiras curiosas, como de discos de vinil e gibis, compõe o cenário.

 

Mercado público de Porto Alegre


Praça da Alfândega: a praça, por si só um cartão postal da cidade, abriga em seu entorno espaços culturais, como o Santander Cultural, o Museu de Arte do Rio Grande do Sul e o Memorial do RS. Aproveite E siga pela Rua dos Andradas em direção à Casa de Cultura Mário Quintana e à Igreja das Dores (mais antiga igreja de POA), com sua monumental escadaria.

 

Senhora caminhando pela praça da alfândega de Porto Alegre


Praça Mal. Deodoro: também conhecida por Praça da Matriz ou Praça dos Três Poderes, é circundada pela Assembleia Legislativa do RS, Palácio Piratini (sede do governo estadual), Catedral Metropolitana e pelo Theatro São Pedro, inaugurado em 1858. Saindo da Praça Mal. Deodoro, siga pela rua Duque de Caxias, onde você vai se deparar com uma bela vista da região a partir do Viaduto Otávio Rocha.

 

Vista dos monumentos da praça Marechal Deodoro em Porto Alegre


Sítio “O Laçador"

Representação do homem rio-grandense que, com sua pilcha (traje típico gaúcho), transparece a cultura do seu povo. Tombado como patrimônio histórico do município de Porto Alegre. É símbolo porto-alegrense e rio-grandense.

 

Monumento Laçador com céu azul ao fundo


Orla

A orla de 72 quilômetros, recortada pelas águas do Guaíba, é um dos grandes atrativos de Porto Alegre. Mas, além da reverenciada paisagem, a orla é um movimentadíssimo local de lazer e de atividades esportivas, facilitadas pelos espaços e pela infraestrutura instalada, como o trecho revitalizado no Parque da Orla Moacyr Scliar, o Parque do Pontal, o Parque Marinha do Brasil, o Atracadouro Público da Usina do Gasômetro, a Fundação Iberê Camargo e os clubes náuticos.

 

Pôr do sol na orla movimentada de Porto Alegre

 
Não perca o pôr-do-sol na Orla Moacyr Scliar, área revitalizada que reúne milhares de pessoas a cada fim de semana.
 
Outra forma interessante de desfrutar da orla são os passeios nos barcos turísticos. A bordo dessas embarcações se tem uma das mais belas vistas de Porto Alegre, em particular dos grandes armazéns amarelos do Cais Mauá que ressaltam a origem portuária da cidade.

 

Armazens amarelos do cais Mauá de Porto Alegre


Áreas de lazer

Porto Alegre conta com 608 praças e 8 parques. Entre eles estão: o Parque Marinha do Brasil, o Parque Moinhos de Ventos, o Parque Farroupilha (Redenção) e o Parque Maurício Sirotski Sobrinho (Harmonia).

Vista aérea do monumento arco da redenção em Porto Alegre

 

Futebol

Porto Alegre tem dois campões mundiais de futebol, Grêmio e Internacional. E é possível conhecer as dependências da Arena do Grêmio e do Estádio Beira-Rio.

 

Torcedores do Grêmio e Internacional assistindo uma partida de futebol no estádio Beira-rio

 

Linha Turismo

O city tour oficial de Porto Alegre é uma boa alternativa para uma primeira impressão sobre a cidade. São ônibus de dois andares, com vista panorâmica, que oferecem os diferentes roteiros.

 

Ônibus de turismo de dois andares passando pelo centro histórico da cidade de Porto Alegre


Roteiro Centro Histórico

Saídas de terças a domingos, inclusive feriados.
Terminal Linha Turismo - Travessa do Carmo, 84 - Cidade Baixa
Horários: 9h/10h/11h/12h/13h/14h/15h/16h
Principais Atrativos: Parque Farroupilha, Parque Moinhos de Vento, Mercado Público, Usina do Gasômetro e Orla Moacyr Scliar, Casa de Cultura Mário Quintana, Praça da Matriz, Estádio Beira-Rio, Fundação Iberê Camargo e o bairro Cidade Baixa. 
1h40 de duração (permite o embarque e desembarque em pontos diferentes. O bilhete é válido por um dia).

Roteiro Zona Sul

Saídas de terças a domingos, inclusive feriados.
Terminal Linha Turismo - Saída: Travessa do Carmo, 84 – Cidade Baixa
Horários: 10h/15h
Principais Atrativos: Caminho dos Antiquários, Orla do Guaíba, Parque Harmonia, Parque Marinha do Brasil, Estádio Beira-Rio, Fundação Iberê Camargo, Hipódromo do Cristal, Clubes Náuticos, Praia de Ipanema, Caminhos Rurais, Santuário Nª. Srª. Mãe de Deus, Casa do Teixeirinha e Museu de Porto Alegre.

Tour Cervejeiro

Saída regularmente no último sábado de cada mês.
Terminal Linha Turismo - Saída: Travessa do Carmo, 84 – Cidade Baixa
Horário: 14h
Principais Atrativos: visita às fábricas de cervejas artesanais do Polo Cervejeiro da Cidade, com degustação e apresentação do processo de fabricação, e outros pontos relativos à história da cerveja em Porto Alegre.

Futebol Tour

Saída mensal no sábado em datas previamente divulgadas.
Terminal Linha Turismo - Saída: Travessa do Carmo, 84 – Cidade Baixa
Horário: 10h (Grêmio) 14h (Internacional)
Principais Atrativos: Antigas casas dos dois principais clubes da Capital, Grêmio e Internacional, Arena do Grêmio e Estádio Beira Rio

Fonte: Diretoria de Turismo/SMDE