Executivo

Nova adutora vai melhorar o abastecimento da região Nordeste

17/06/2020 18:22
Luis Adriano Madruga/ FASC/ PMPA
EXECUTIVO
Nova adutora vai ampliar a distribuição de água para cinco bairros da região

A Prefeitura de Porto Alegre publicou no Diário Oficial de Porto Alegre (Dopa) desta quarta-feira, 17, a licitação para execução da obra da nova adutora de sucção da Estação de Bombeamento de Água Tratada (EBAT) Sarandi. A intervenção faz parte do conjunto de obras do Sistema de Abastecimento de Água (SAA) São João do Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae), e vai melhorar o abastecimento na região Nordeste (Morro Santana, Mario Quintana, Passo das Pedras, Jardim Leopoldina e Rubem Berta). O investimento previsto é de cerca de R$ 18,2 milhões, sendo 95% oriundos de financiamento junto ao Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e 5% de arrecadação da tarifa. 

“A prefeitura mantém obras consideradas essenciais para a eficiência da prestação de serviço, mesmo em meio à crise financeira em razão da pandemia. Essas intervenções são realizadas com financiamentos chamados de “carimbados”, como essa obra da região Nordeste, que não utiliza recursos do Tesouro” - Prefeito Nelson Marchezan Júnior. 

A nova adutora de sucção da EBAT Sarandi terá 3.020 metros de tubos com diâmetro de 800 milímetros, que inicia na rua Ouro Preto, próximo à esquina com avenida Sertório, seguindo pela rua Guadalupe e outras vias até chegar na EBAT Sarandi, na avenida Baltazar de Oliveira Garcia, conforme indicado no infográfico. Além de qualificar o abastecimento, a obra trará a possibilidade de desativação da adutora existente que fica embaixo do corredor de ônibus da avenida Assis Brasil, evitando alguns transtornos por manutenção que tem ocorrido nos últimos anos.

Histórico - O conjunto de obras do SAA São João contempla 10 obras, beneficiando 329 mil pessoas, tendo a primeira obra, de implantação da nova adutora para reforço da EBAT Ouro Preto já em andamento, com prazo de dez meses e investimento de R$ 18,9 milhões em recursos oriundos da tarifa. O investimento total para o conjunto de obras do Sistema São João é de R$ 82,7 milhões com financiamento do BRDE. 

Demais projetos: Ampliação da adutora de recalque da EBAT Ouro Preto para os Reservatórios Costa e Silva; Ampliação da EBAT Manoel Elias II; Implantação da adutora de recalque da EBAT Manoel Elias II para o RES Manoel Elias IV; Implantação do Reservatório da Manoel Elias IV; Ampliação da EBAT Sarandi; Ampliação da adutora de recalque da EBAT Sarandi para o RES Ary Tarragô; Implantação da EBAT Ary Tarragô; Implantação da adutora de recalque da EBAT Ary Tarragô para o RES Manoel Elias III.

Aline Antunes Coelho

Denise Righi

Acompanhe a prefeitura nas redes