Porto Alegre recebe título de Hub de Resiliência durante encontro do Iclei

17/08/2023 13:55
Cesar Lopes / PMPA
Executivo
Além de Porto Alegre, apenas outras quatro cidades brasileiras têm a certificação

Porto Alegre recebeu na manhã desta quinta-feira, 17, o certificado de Hub de Resiliência, durante a Cerimônia de Abertura do 2º Encontro Iclei Regional Sul, que aconteceu no Farol Santander, no Centro Histórico. A certificação é o resultado do compromisso da capital gaúcha em apoiar outros governos locais no avanço de seus processos de resiliência a desastres. Clemént da Cruz, oficial Junior do Programa Construindo Cidades Resilientes (MCR2030) no Escritório das Nações Unidas para Redução do Risco de Desastres – Américas e Caribe e Rodrigo Corradi, secretário executivo do Iclei na América do Sul, entregaram o certificado ao prefeito Sebastião Melo e ao secretário de Governança Local e Coordenação Política e diretor de Resiliência de Porto Alegre, Cassio Trogildo.

A certificação é conferida pelo Escritório das Nações Unidas para a Redução do Risco de Desastres (UNDRR) e pelo Comitê de Coordenação Global da Iniciativa Construindo Cidades Resilientes 2030 (MCR2030). Para obter esse reconhecimento, a capital trabalhou durante um ano em um plano de ação para promoção da resiliência junto aos municípios integrantes da Granpal, cuja elaboração contou com o acompanhamento de organismos internacionais, até ser avaliado e, finalmente, certificado. Atualmente, apenas cinco cidades brasileiras têm tal certificação: Porto Alegre, Recife, Campinas, Salvador e Barcarena (PA).

O título permite que Porto Alegre tenha acesso a capacitações e conteúdos, em cooperação nacional e internacional, tanto para implementar ações no município, quanto para se transformar num vetor regional de transformação e informação rumo à resiliência climática, disseminando boas práticas para as cidades ao seu redor.

Hubs de resiliência - Têm o papel de promover o compartilhamento de conhecimento, capacitação e criação de oportunidades de aprendizado. Eles devem inspirar outros governos locais a se comprometerem com uma maior resiliência.

Porto Alegre Resiliente - Em 2016, foi criada a Coordenação de Resiliência no município e elaborada a Estratégia de Resiliência, a primeira a ser lançada por uma cidade da América Latina. Em 2013, Porto Alegre foi selecionada para integrar o projeto 100 Cidades Resilientes da Fundação Rockefeller. A partir daí, foi formado um grupo de trabalho com a participação de diversas entidades da sociedade civil e das 17 regiões do Orçamento Participativo (OP). Resultou em um texto concluído em 2014 e protocolado na Câmara Municipal em 2015, como projeto de lei que instituiu o Plano Municipal de Resiliência Cezar Busatto, sancionado em 2019. Desde 2021, a capital integra a Rede Mundial de Cidades Resilientes (Global Resilient Cities Network).

Indaiá Dillenburg

Cristiano Vieira

Acompanhe a prefeitura nas redes