Dmae apresenta Sistema Ponta do Arado a moradores do Extremo-Sul

27/10/2021 10:23
Luciano Lanes/ PMPA
Reuni√£o ocorreu no Centro de Tradi√ß√Ķes Ga√ļchas (CTG) e Piquete Feij√≥ do Campeador, na avenida Lami

Na noite de¬†ter√ßa-feira, 26, cerca de 40 moradores dos bairros Bel√©m Novo, Lami, Lageado e Boa Vista do Sul participaram de reuni√£o comunit√°ria para apresenta√ß√£o do Sistema de Abastecimento Ponta do Arado pelo Departamento Municipal de √Āgua e Esgotos (Dmae). A reuni√£o aconteceu no Centro de Tradi√ß√Ķes Ga√ļchas (CTG) e Piquete Feij√≥ do Campeador, na avenida Lami, e faz parte do Trabalho T√©cnico-Social (TTS) desenvolvido pelo Dmae para apresentar o projeto e as etapas de implanta√ß√£o do novo Sistema de Abastecimento de √Āgua (SAA) Ponta do Arado.¬†

Luciano Lanes/ PMPA
Cerca de 40 moradores do Extremo-Sul participaram do encontro

Este quarto encontro com a comunidade foi conduzido pelo diretor-geral do Dmae, Alexandre Garcia, com o apoio de equipe t√©cnica do Departamento, representantes da subprefeitura da Regi√£o Extremo-Sul e da empresa contratada para realiza√ß√£o das obras. Na oportunidade, foram detalhados o cronograma de implanta√ß√£o do projeto, as obras principais e complementares, al√©m de serem¬†esclarecidas¬†d√ļvidas levantadas pelos participantes. Nesta quarta-feira, 27, ocorre mais uma reuni√£o, na escola estadual Glic√©rio Alves, na rua Eust√°quio In√°cio da Silveira.

"O Sistema da Ponta do Arado √© a maior obra da Capital hoje¬†e tem o objetivo de mudar a realidade das pessoas que residem nas zonas Sul e Leste da Capital. A Zona Sul cresceu muito nos √ļltimos anos. Trabalhamos com a expectativa de que at√© o final de 2024 a ETA Ponta do Arado esteja em pleno funcionamento, sanando o d√©ficit de infraestrutura atual‚ÄĚ, afirmou o diretor-geral do Dmae durante a apresenta√ß√£o aos moradores da regi√£o.

A obra da Esta√ß√£o de Tratamento de √Āgua (ETA) Ponta do Arado iniciar√° antes do final do ano, causando intensa movimenta√ß√£o de m√°quinas e ve√≠culos em Bel√©m Novo. Como exemplo, projeta-se que cerca de 80 a 100 cargas de caminh√£o dever√£o passar¬†por dia¬†pela avenida Heitor Vieira quando a obra come√ßar, alterando o cotidiano da popula√ß√£o local. Para minimizar os impactos junto √† comunidade, o Dmae trabalha em conjunto com a Secretaria Municipal de Servi√ßos Urbanos (Smsurb), que mobilizou a Diretoria-Geral de Conserva√ß√£o de Vias Urbanas (DCVU) para refor√ßar a pavimenta√ß√£o local.¬†

A esta√ß√£o foi projetada com as t√©cnicas mais modernas de engenharia e dever√° produzir inicialmente 2 mil litros por segundo de √°gua tratada. Al√©m da ETA, o sistema inclui um reservat√≥rio com duas c√Ęmaras de 5 mil metros c√ļbicos de √°gua cada uma e ainda uma Esta√ß√£o de Bombeamento de √Āgua Tratada (Ebat). O valor investido ser√° de mais de R$ 87 milh√Ķes nessa primeira etapa e a execu√ß√£o √© do Cons√≥rcio Cosatel-RGS-Calcar, vencedor da licita√ß√£o.

Trabalho T√©cnico-Social¬†- √Č um conjunto de estrat√©gias, projetos e a√ß√Ķes voltados √† comunidade da √°rea, coordenado e fiscalizado pelo Dmae, sendo realizado pela empresa licitada ASP Assessoria Social e Pesquisa Ltda, com financiamento da Caixa Econ√īmica Federal (CEF).

Sistema de Abastecimento de √Āgua (SAA) Ponta do Arado - O atual SAA Bel√©m Novo, que abastece mais de 240 mil moradores do Sul, Extremo-Sul e Lomba do Pinheiro, est√° no limite de sua capacidade. Com o crescimento da demanda, causado pelo aumento populacional dos √ļltimos anos, o Dmae passou a buscar alternativas para melhorar essa situa√ß√£o, at√© chegar ao projeto do novo SAA Ponta do Arado, que dever√° ser a solu√ß√£o para essas regi√Ķes ap√≥s a execu√ß√£o das sete obras previstas. O financiamento para o SAA Ponta do Arado foi contratado pela prefeitura e o Dmae em 2019, com investimento estimado de R$ 250 milh√Ķes. A previs√£o √© que todo o sistema esteja em funcionamento em 2024.¬†

A primeira das sete obras, a adutora subaqu√°tica de capta√ß√£o de √°gua bruta, que ficar√° na praia de Copacabana, no bairro Bel√©m Novo, est√° em andamento e em¬†breve dever√° ter in√≠cio a constru√ß√£o da nova Esta√ß√£o de Tratamento de √Āgua (ETA). Os recursos s√£o do Fundo de Garantia do Tempo de Servi√ßo (FGTS), por meio de financiamento com a CEF.

Andréa Menezes

Andrea Brasil