Executivo

Marchezan vistoria substituição de rede de água na Vila das Laranjeiras

03/08/2020 12:37
Jefferson Bernardes/PMPA
EXECUTIVO
Obra tem investimento previsto de R$ 2 milhões e beneficiará 3.870 pessoas

A substituição de rede de água que está sendo feita pelo Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) na Vila das Laranjeiras, no bairro Protásio Alves, foi vistoriada pelo prefeito Nelson Marchezan Júnior na manhã desta segunda-feira, 3. A obra para troca de 6.388 metros de redes tem investimento previsto de R$ 2 milhões, com recursos da tarifa do serviço de água, e beneficiará 3.870 pessoas. 

“Esta é mais uma melhoria importante para o abastecimento de água da Zona Norte que faz parte das ações de qualificação das redes realizadas em toda a cidade. A nova canalização tem como objetivo reduzir o número de rompimentos e perdas de água” - Prefeito Nelson Marchezan Júnior.

Marchezan enfatiza que os recursos que bancam a obra vêm do caixa do Dmae e de uma gestão que prioriza o atendimento aos porto-alegrenses. "A vida das pessoas é agora, e é inaceitável esperar décadas por um superávit da máquina pública que viabilize investimentos", afirma.

Solução - A região da Vila das Laranjeiras está localizada na ponta do Sistema de Abastecimento de Água (SAA) São João, que, além dos frequentes rompimentos por causa da canalização antiga, sofre com baixa pressão nos meses de maior consumo, como no verão. Essa obra vai melhorar o abastecimento, mas a solução definitiva virá com o conjunto de dez intervenções no SAA São João para ampliar a oferta de água na região, com a construção de adutoras de reforço e de um reservatório junto às estações existentes. Uma parte do projeto, garantido por financiamento de R$ 87,1 milhões do Banco Regional de Desenvolvimento Econômico (BRDE), começou a ser executado em fevereiro.

"As regiões Norte e Nordeste da cidade necessitam desses investimentos em expansão da oferta de água para que em pouco tempo não tenhamos mais problemas de abastecimento nessas áreas", diz o diretor-geral do Dmae, Darcy Nunes dos Santos.

Porto Alegre tem cobertura de 99,5% de serviço de água. Apenas 17% da população - o equivalente a 250 mil pessoas - tem infraestrutura insuficiente. São necessários investimentos de R$ 550 milhões para estender o atendimento. Já estão em andamento R$ 445 milhões.

Também participaram da visita técnica os engenheiros da Construtora Sintra (responsável pela obra), Léo Henrique Alberton e João Arthur Basso; os secretários municipais Marcelo Gazen (Infraestrutura e Mobilidade Urbana)  e Hiratan Pinheiro da Silva (Serviços Urbanos); e os engenheiros fiscais do Dmae, Eduardo Germani Martins e Carla Leão.

Confira o mapa da obra

VILA LARANJEIRAS

 

 

  

 

Aline Coelho

Rui Felten

coronavirus-cartao-social.png

Acompanhe a prefeitura nas redes