Executivo

Possibilidade de tempestade nesta terça faz prefeito reunir equipes

06/07/2020 20:14
Divulgação SMSUrb / PMPA
DMLU
Objetivo é trabalhar em conjunto para restabelecer o mais depressa os serviços que venham a ser atingidos

A possibilidade de tempestade na capital gaúcha prevista pela Defesa Civil para terça-feira, 7, fez com que o prefeito Nelson Marchezan Júnior convocasse uma reunião na noite desta segunda-feira, 6, com representantes da Secretaria Municipal dos Serviços Urbanos (SMSUrb), Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) e Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU), entre outros, para definir estratégias e montar equipes. A orientação do chefe do Executivo é para que as equipes estejam preparadas e prontas para agir se houver a necessidade.

“Precisamos que todos trabalhem em conjunto para restabelecer o mais depressa possível todos os serviços que possam ser atingidos e realizar a limpeza e desobstrução de vias de forma a não prejudicar a população” - Prefeito Nelson Marchezan Júnior.

Na manhã desta segunda-feira, a Defesa Civil de Porto Alegre enviou um alerta meteorológico para a possibilidade de ocorrência de chuvas de intensidade moderada a forte, acompanhadas de trovoadas e rajadas de vento de 60 km/h a 100 km/h e queda de granizo. Há risco de alagamentos, de danos às residências, de corte de energia elétrica, de desativação de semáforos, de queda de árvores, de placas de sinalização e publicitários (outdoor).

A Defesa Civil e a Comissão Permanente de Atuação em Emergências (Copae), composta por órgãos municipais e instituições parceiras (Corpo de Bombeiros e CEEE), deverão estar em alerta máximo, com as respectivas equipes disponíveis para o pronto atendimento à população e o restabelecimento das condições de normalidade nas áreas que venham a ser atingidas.

A orientação é para que a população permaneça em casa protegida.

Orientações à população:

- Em caso de rajadas de vento, não se abrigue debaixo de árvores;

- Abrigue-se em local seguro;

- Não enfrentar o mau tempo;

- Mantenha-se afastado de postes, árvores e placas de sinalização e publicitárias;

- Não entre em alagamentos;

- Observe as encostas. No caso de alterações, afaste-se imediatamente e acione o serviço de emergência (Defesa Civil ou Corpo de Bombeiros).

- Atenção especial no trânsito (motoristas e pedestres);

- Desligue os aparelhos elétricos e, se possível, o quadro geral de energia;  

No caso de emergência, ligue para Defesa Civil (199) ou Corpo de Bombeiros (193).

Leia também:

Defesa Civil alerta para chegada de nova tempestade

Paulo Ricardo Fontoura

Gilmar Martins

Acompanhe a prefeitura nas redes