Agora, este é o portal oficial da Prefeitura. Se não encontrar o que precisa, utilize o menu, acesse uma secretaria específica e localize o respectivo link de acesso ao site antigo.
Cultura

Cinemateca apresenta mostra sobre o cinema de invenção

25/10/2019 08:54
Eduardo Beleske/PMPA
SMC
Ingressos a R$ 10 podem ser adquiridos na bilheteria 30 minutos antes das sessões

A Cinemateca Capitólio Petrobras (rua Demétrio Ribeiro, 1085)  realiza de terça-feira, 29, até 10 novembro a mostra Cinema de Invenção. A sessão de abertura, às 20h,  terá a apresentação do filme Matou a Família e Foi ao Cinema do cineasta  Neville D’Almeida, homenageado da mostra. Os ingressos no valor de R$ 10 podem ser adquiridos na bilheteria 30 minutos antes de cada sessão. Outras informações em 51-3289-7453, no site da Cinemateca ou no Facebook.  

Na sexta-feira, 1º de novembro, às 20h, está marcado um debate com o cineasta Omar de Barros Filho sobre o curta-metragem Viva a Morte e do média Adyos, General duas obras do cinema de invenção do Rio Grande do Sul. A sessão Letícia Parente é destaque também na mostra com o Regras para ser Livre, reunião de 11 obras da artista, uma das pioneiras da videoarte brasileira.

As sessões comentadas terão a participação do homenageado da mostra, o cineasta Neville D’Almeida que vem apresentar as três obras centrais de sua filmografia: Jardim de Guerra, seu longa de estreia; Mangue Bangue, filme experimental dado como perdido até meados dos anos 2000; e a sua versão da obra de Júlio Bressane, Matou a Família e Foi ao Cinema que será exibido na sessão de abertura e é protagonizado por Renata Sorrah e Márcia Rodrigues, que celebra 50 anos em 2019.

A mostra é inspirada no livro Cinema de Invenção, escrito pelo crítico, escritor e cineasta Jairo Ferreira que se propõe a lançar reflexões sobre as filmografias de cineastas experimentais, agrupados no chamado Cinema Marginal. A mostra reúne trabalhos de Júlio Bressane, Rogério Sganzerla, Helena Ignez, Luiz Rosemberg Filho, José Agrippino de Paula, Carlos Ebert, José Sette de Barros, Edgard Navarro, Sylvio Lanna, Neville D’Almeida, Rogério Brasil Ferrari, Julio Calasso, Omar de Barros Filho, Letícia Parente e Andrea Tonacci.

A produção cultural da mostra é da Fundacine RS e Prefeitura Municipal de Porto Alegre e está entre as 26 atividades integrantes do projeto de programação especial 2019 da Cinemteca Capitólio Petrobras.  

Cinema de Invenção
Abertura: Terça-feira, 29, às 20h
de 29 de outubro a 10 de novembro de 2019
Cinemateca Capitólio Petrobras (rua Demétrio Ribeiro, 1085 - Centro Histórico)
Debate com o cineasta Omar de Barros Filho: 1º de novembro, às 20h
Mais informações: (51) 3289-7453 www.capitolio.org.br  facebook.com/cinemateca.capitolio
 
Sessões e horários
Terça-feira, 29, 20h
Vicious + Matou a Família e Foi ao Cinema (1969)

Quarta-feira, 30
20h – República da Traição
 
Quinta-feira, 31
18h – Longo Caminho da Morte
20h – O Jardim das Espumas
 
Sexta-feira, 1º de novembro
18h – Curtas de Edgard Navarro
20h – Viva a Morte + Adyos, General + debate com Matico
 
Sábado, 2
18h – Sessão Sylvio Lanna
19h – Sagrada Família
20h30 – Bang Bang
 
Domingo, 3
18h – Hitler III Mundo
20h – O Anjo Nasceu
 
5 de novembro (terça)
18h – Bandalheira Infernal
20h – Letícia Parente: Regras Para Ser Livre
 
6 de novembro (quarta)
18h – República da Traição
20h – Longo Caminho da Morte
 
7 de novembro (quinta)
18h – O Jardim das Espumas
20h – Bandalheira Infernal
 
8 de novembro (sexta)
18h – Hitler III Mundo
20h – Mangue Bangue (Projeto Raros Especial) + debate com Neville D’Almeida
 
9 de novembro (sábado)
16h – Matou a Família e Foi ao Cinema (1991)
18h – Jardim de Guerra + debate com Neville D’Almeida
 
10 de novembro (domingo)
16h – Curtas de Edgard Navarro
18h – O Monstro Caraíba
20h – A Miss e o Dinossauro + Sem Essa, Aranha

 

Taís Dimer Dihl

Acompanhe a prefeitura nas redes