Escolas do Grupo Prata e Tribo Os Comanches desfilam na primeira noite do Carnaval

06/05/2022 08:46
Brayan Martins / PMPA
Desfile das Escolas de Samba Série Ouro - Local: Complexo Cultural Porto Seco
Carnaval da Capital, que já teve um público aproximado de 20 mil pessoas por noite, não é realizado há dois anos

A noite de abertura do Carnaval 2022 será nesta sexta-feira, 6, e contará com o desfile das escolas do grupo Prata. A abertura no Complexo Cultural do Porto Seco será da Tribo Os comanches, que vai iniciar a sua apresentação às 21h. Na sequência, cada escola terá 50 minutos para realizar o seu desfile. A última escola deve iniciar sua apresentação às 4h. Veja abaixo a ordem dos desfiles e os temas que serão desenvolvidos por cada uma das entidades. 

O Carnaval da Capital, que já teve um público aproximado de 20 mil pessoas por noite, não é realizado há dois anos. A prefeitura promoveu a requalificação das quadras das escolas de samba e de todo o entorno do complexo. Por meio de termo de permissão de uso assinado pelas duas ligas representativas do carnaval, será possível buscar parcerias para que o evento seja sustentável.

Para as noites de desfiles, a prefeitura preparou um serviço especial de segurança, saúde e transporte. No último domingo, 1º, o Departamento Municipal de Limpeza Urbana realizou um mutirão de limpeza com a retirada de 250 toneladas de material e entulhos. Também estão organizados serviços de saúde, segurança e transportes.

Retomada - O secretário municipal da Cultura, Gunter Axt, explica que este é o Carnaval da retomada, depois de dois anos sem o evento. O desafio vai além de realizar a festa. O importante é superar o impacto da pandemia, bem como desenhar uma nova política estruturante para a festa, que possa ter sustentabilidade a longo prazo. "O Carnaval de Porto Alegre é uma rica manifestação popular, importante elo da cadeia da economia criativa e um evento metropolitano, já que escolas de outros municípios desfilam também no Porto Seco. É uma alegria estar vendo o Carnaval acontecer", comemora Gunter. 

O presidente da União das Escolas de Samba de Porto Alegre e Região Metropolitana (Uespa), Maurício Nunes Santos, reforça que o Carnaval passa por um novo momento. "A parceria da prefeitura, entidades carnavalescas e entidades privadas de serviço e de investimentos é uma modelagem que deve ser fomentada e estruturada para que o carnaval seja sustentável economicamente e viável estruturalmente. E que, a partir disso, retome a cadeia produtiva e entre no rol da atração turística da cidade. A expectativa é que o Porto Seco possa ser gerador de empregos e renda para retornar às escolas de samba", complementa.

Já o presidente da União das Entidades Carnavalescas do Grupo de Acesso de Porto Alegre (Uecgapa), Richer kniest, explica que as parcerias entre escolas, poder publico e produtoras mostram diferenças e devem se prolongar com a realização de atividades culturais que vão gerar renda permanente para as escolas. "O apoio do Executivo Municipal foi fundamental, principalmente com limpeza e segurança. Isso permitiu uma revitalização do Porto Seco, que vai ser importante para a retomada do Carnaval." 

Apuração - A apuração será realizada na terça-feira, 10, no Porto Seco, e nesta edição o acesso e descenso se dará da seguinte forma:
– A escola classificada em nono lugar no Grupo Ouro será rebaixada para o Grupo Prata em 2023.
– As escolas classificadas em primeiro e segundo lugares do Grupo Prata ascenderão ao Grupo Ouro em 2023.
– Não haverá descenso de escola do Grupo Prata para o Grupo Bronze.
– As escolas classificadas em primeiro, segundo, terceiro e quarto lugares do Grupo Bronze ascenderão ao Grupo Prata em 2023.
– As escolas classificadas em quinto e sexto lugares do Grupo Bronze não desfilarão em caráter competitivo no Carnaval Oficial de Porto Alegre pelo prazo de dois anos, podendo desfilar na categoria "convidadas".
– As escolas de samba convidadas em 2022 não serão julgadas, não acumularão pontuação e também não haverá avaliação e competição na categoria Tribo Carnavalesca.

Organização e transmissão - Toda a organização da edição comemorativa aos 250 anos da Capital está a cargo das empresas Produtora 3M e Cuboplay. O diretor da Cuboplay, Cláudio Fagundes, explica que a empresa é uma plataforma de entretenimento, cultura e esporte. "Trazer o Carnaval para dentro da nossa programação era natural e fundamental para o projeto. Ficamos muito felizes com a confiança da comunidade carnavalesca no projeto de levar o Carnaval de Porto Alegre para o mundo", explica. Todos os desfiles terão transmissão ao vivo e aberta pelo site da Cubo. Acesse aqui

Infraestrutura e ingressos - Entre as novidades desta edição estão as arquibancadas cobertas, com total de 1,5 mil lugares. Também os camarotes localizados no espaço denominado Samba do Casulo, que fica em frente ao recuo da bateria. Esse espaço terá atrações nos intervalos dos desfiles. Em todo o complexo, serão 188 camarotes para venda, três para os jurados, além de camarotes para a Corte do Carnaval, Ligas das Escolas e prefeitura, com capacidade para 250 pessoas. Ainda estão disponíveis ingressos para arquibancada e alguns camarotes. Muitos setores já estão esgotados. Confira as opções na Plataforma de Vendas. Toda a estrutura acomodará 4.660 pessoas por noite de desfiles. No entanto, a previsão dos organizadores é que circularão pelo entorno da pista cerca de 20 mil pessoas por noite. 

Conheça aqui os sambas das escolas 

Aqui a ficha técnica das Escolas do Grupo Prata 

Para assistir aos desfiles

Corte do Carnaval 2022
Rei Momo: Ubirajara Borba da Silva
Rainha do Carnaval: Kênya Regina Silveira Teixeira
Primeira princesa: Solange Nazário Medeiros Lobato
Segunda princesa: Cássia Katherine Joaquim dos Santos da Silva

Ordem dos Desfiles
Sexta-feira, 6 - Grupo Prata - 50 minutos de desfile
Abertura
21h - Tribo Carnavalesca Os Comanches 
22h - Unidos da Vila Mapa 
23h - Copacabana 
00h - Realeza 
1h -  Praiana
2h -  Unidos de Vila Isabel (Viamão)
3h -  União da Tinga 
4h -  Academia de Samba Puro

Cleber Saydelles

Andrea Brasil