Nega Lu foi o tema da Realeza no encerramento do Carnaval 2023

05/03/2023 05:20
Pedro Piegas / PMPA
Cultura e Economia Criativa
Escola levou 15 alas e três alegorias

carnavalA √ļltima escola a desfilar no Complexo Cultural do Porto Seco foi A Realeza, iniciando a sua apresenta√ß√£o √†s 5h40 de domingo, 5, com a barra do dia surgindo no horizonte para saudar os carnavalescos.¬†Com o tema "A Divina Realeza do Basfond √© Uma Dama de Barba Malfeita", a escola trouxe uma homenagem a¬†Luiz Airton Farias Bastos, a ic√īnica Nega Lu.

Ao evocar¬†a figura emblem√°tica de Nega Lu, a escola evoca tamb√©m palavras como empoderamento, orgulho e representatividade. O desfile da Realeza lan√ßa luz ao significado dessas palavras, fortalecendo¬†a luta contra a homofobia, o protesto contra a intoler√Ęncia religiosa e a busca pelo respeito e valoriza√ß√£o para a classe art√≠stica.

O primeiro setor do desfile, O despertar da Divina Realeza, retrata o despertar da Entidade Nega Lu. Já o segundo setor, mostra a forte ligação da  personagem central com o Carnaval, o surgimento de Nega Lu, quando assume-se gay em uma época em que a repressão imperava e sua paixão pela cultura francesa.

A bateria, cora√ß√£o da escola, √© o setor que retrata a constitui√ß√£o religiosa de Nega Lu, que era Babalorix√°. O terceiro setor traz o artista em sua plenitude, as aptid√Ķes art√≠sticas de Nega Lu, que apresentou expressivas performances como cantor, bailarino e cozinheiro.

O quarto setor,¬†‚ÄúDesmunhecando, mas pisando forte‚ÄĚ apresenta¬†as manifesta√ß√Ķes socioculturais as quais Nega Lu participou e contribuiu com seu esp√≠rito transgressor, tornando-se uma grande refer√™ncia para as gera√ß√Ķes que a sucederam.¬†Passaram 15 alas e tr√™s alegorias. No final a Realeza arrastou¬†o p√ļblico na avenida at√© a dispers√£o.

Ficha técnica
Cores: lil√°s, branco e rosa
Símbolo: coroa real
Presidentes: Mauro Correa Santos (Maur√£o) e Mauricio Correa Santos
Presidente de honra: C√Ęndido Norberto
Diretor de bateria: Luís Paulo Freitas da Silveira (Mestre Lipo)
Enredo: "A Divina Realeza do Basfond é Uma Dama de Barba Malfeita"
Compositores: Marcelo Adnet, André Carvalho, Baby do Cavaco, Fabiano Paiva, Fofão, Gabriel Machado e Gustavo Albuquerque
Intérprete: Alex do Cavaco

 

Cleber Saydelles

Lissandra Mendonça