Cultura

Peça aborda morte com bom humor na Sala Álvaro Moreyra

04/02/2020 08:38
Vilmar Carvalho/Divulgação PMPA
CULTURA
Mritak conta a história de um "morto" que está vivo

A comédia Mritak -Como Vivem Os Mortos tem sessões na Sala Álvaro Moreyra (avenida Erico Verissimo, 307- Menino Deus) de terça-feira, 4, a quinta-feira, 6, sempre às 20h. O espetáculo indicado para todos os públicos integra a programação do 21º Porto Verão Alegre. Os ingressos podem ser adquiridos no site do festival.

A montagem conta a história real de Lal Bihari, que ficou legalmente morto por 19 anos. A peça é uma comédia inspirada numa notícia real veiculada pela internet. Ao descobrir-se morto nos registros oficiais, o indiano Lal Bihari tenta por 19 anos provar que está vivo através dos métodos mais extravagantes. Tenta ser preso, concorre a eleições, processa as pessoas e, ao descobrir outros na mesma situação, funda a Associação das Pessoas Mortas.

A montagem é uma reflexão bem-humorada sobre o sentido da vida. O texto foi escrito e encenado por Luiz Henrique Palese em 2001 e estreou apenas com o título de Como nascem os mortos?, em Montevidéu, como monólogo. Em 2011, a Cia. Stravaganza voltou a encenar a obra com o título atual: Mritak (que significa morto, em hindu).

Ficha Técnica
Autor: Luiz Henrique Palese
Direção: Adriane Mottola
Elenco: Janaina Pelizzon, Duda Cardoso e Rodrigo Mello
Duração: 45min

Serviço
Mritak - Como Vivem Os Mortos
Sala Álvaro Moreyra (avenida Erico Verissimo, 307- Menino Deus)
Terça-feira, 4, quarta-feira, 5, e quinta-feira, 6, sempre às 20h
Ingressos podem ser adquiridos no site do festival

 

 

 

Paula Fabyolla e Paulo Beccon

Taís Dimer Dihl

Acompanhe a prefeitura nas redes