Eleitos os 11 novos representantes do Conselho Municipal do Povo Negro

23/03/2021 09:59

A eleição para preenchimento de vagas da sociedade civil no Conselho Municipal do Povo Negro (Cnegro) foi realizada nessa segunda-feira, 22. O pleito ocorreu por meio de plataforma digital devido à pandemia de Covid-19.

Das 13 vagas abertas, foram preenchidas 11 com representantes da sociedade civil. Uma assembleia geral do CNegro vai decidir sobre a publicação de novo edital de chamamento público para completar as duas vagas restantes.

O Conselho Municipal do Povo Negro é um órgão normativo, deliberativo e fiscalizador, com funcionamento regido por regimento interno. Atua pela defesa de justiça social e igualdade de oportunidades para todos.

Entidades e seus representantes eleitos – Titulares e suplentes respectivamente:

Lisiane Vieira dos Santos e  Inaí Nascimento  - Associação Cultural de Mulheres Negras do Estado do Rio Grande do Sul -

Veridiane Pereira da Silva e Jorge Luiz  Vidal  -  Mocidade Independente da Lomba do Pinheiro

 Maria Cristina Ferreira dos Santos e  Itanajara Nascimento de Almeida  - Associação de Afroempreendedorismo - Odaba

Francisco de Paula Correia e Eva Lourdes Corrêa - Sindicato dos Servidores Federais do Rio Grande Do Sul - Sindiserf

Mario Renato Marques e Ilson Marques - Sociedade União da Vila Dos Eucaliptos - Suve

Richard Guterres Alves e Camila da Silva Cunha - Associação Satélite Prontidão - ASP

Natália Azevedo dos Santos e Sidnei Borges Silva - Associação Negra de Cultura - AndC

Érico Leoti e Ana Rodrigues - SBR Imperadores do Samba

Maria Eunice da Silva e Luiz Santiago - Sociedade Beneficente Cultural Floresta Aurora

Tânia Regina de Paula e  Franquilina Marques Cardos - Grupo Multiétnico de Empreendedores Sociais do Rio Grande do Sul

Rosângela Lopes e Maria Guaneci Ávila - Themis - Gênero Justiça e Direitos Humanos

  

 

Maria Emília Portella

Andrea Brasil