Prefeitura atualiza situação habitacional de famílias em projeto da avenida Tronco

08/04/2024 11:40

O Diário Oficial de Porto Alegre (Dopa) de quinta-feira, 4, atualizou a situação das 1.528 famílias envolvidas no projeto de duplicação da avenida Tronco. Segundo o Departamento Municipal de Habitação (Demhab), o número subiu após revisão da listagem elaborada em 2022.  A Diretoria de Projetos Sociais e Cooperativismo (DPC) do Demhab digitalizou todos os processos que estavam em papel.

Das 1.528 famílias cadastradas, 1.060 foram atendidas com alguma solução habitacional definitiva e 468 esperam atendimento. Uma das soluções foi o pagamento de bônus-moradia - 52 foram pagos e 25 estão em tramitação.

As equipes técnicas do Demhab solicitam que as famílias que não foram atendidas atualizem seu número do Cadastro Único com a Fundação de Assistência Social e Cidadania (Fasc). Após esse procedimento, é necessário que o beneficiário compareça ao Demhab com o número de identificação social atualizado e documento de identidade para realizar a atualização do seu cadastro.

Construção de moradias – Em novembro de 2023, a Portaria 1.482 elencou as nove áreas de Porto Alegre que serão contempladas com o programa Minha Casa Minha Vida, somando 1.212 unidades habitacionais. Os locais que estão adequados às novas exigências do programa são: Dona Zaida, Jacuí e Banco da Província, projetos que atenderão o assentamento das famílias da avenida Tronco e contemplam 356 unidades habitacionais. Também estão incluídos os residenciais Mutualidade, Mulheres Guerreiras (Eduardo Prado), Ildo Meneghetti, São Miguel (Intendente Azevedo), Sotero dos Reis e Bento Gonçalves que, ao todo, somarão 856 moradias.

  

 

Cindy Vitali

Cristiano Vieira

Acompanhe a prefeitura nas redes