Estamos migrando o conteúdo do antigo portal da PMPA. Se não encontrar o que está procurando, tente visitar o site antigo (link abre em nova janela).
Meio Ambiente e Sustentabilidade

Região de Planejamento 6 recebe oficina sobre o Plano Diretor

23/10/2019 08:42
Joel Vargas / PMPA
Executivo
Nas oficinas, comunidades manifestam anseios e apresentam contribuições à revisão do Plano

A terceira Oficina Temática –Territorial de Revisão do Plano Diretor ocorre nesta quarta-feira, 23, na Região de Planejamento 6 (Centro-Sul e Sul). Será dirigida aos moradores dos bairros Camaquã, Cavalhada, Nonoai, Teresópolis, Vila Nova, Vila Assunção, Tristeza, Vila Conceição, Pedra Redonda, Ipanema, Espírito Santo, Guarujá, Serraria, Hípica, Campo Novo, Jardim Isabel, Aberta dos Morros e Sétimo Céu. O encontro começará às 18h30 e irá até 21h30, na Cecopam (rua Arroio Grande, 50 – Cavalhada). Outras três oficinas ocorrerão esta semana: na RP 5 (à noite de quinta-feira, 24), na RP 8 (manhã de sábado, 26) e na RP 4 (tarde de sábado, 26). 

Duas oficinas já foram realizadas: na RP 7 (Lomba do Pinheiro/Partenon) e na RP 2 (Humaitá, Navegantes e Noroeste). Até 9 de novembro, as oficinas serão levadas às oito RPs. A segunda rodada será feita a partir de novembro e passará também pelas oito regiões de planejamento. Assim como ocorreu na primeira fase, o cronograma será definido pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente e da Sustentabilidade (Smams), em parceria com os representantes das RPs do Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano Ambiental (CMDUA).

O secretário municipal do Meio Ambiente e da Sustentabilidade, Germano Bremm, destaca que o objetivo da primeira rodada é identificar os anseios, potencialidades e questões prioritárias a serem consideradas e enfrentadas na formulação das propostas que servirão de base para a revisão do Plano Diretor. “A participação e o engajamento da população neste processo é fundamental para a construção da Porto Alegre 2030 que queremos”, diz.

A diretora de Planejamento Urbano e Sustentável da Smams e coordenadora do processo de revisão do Plano Diretor, Patrícia da Silva Tschoepke, esclarece que planejamento urbano parece algo abstrato, mas, na prática, afeta diretamente a vida das pessoas. “O Plano Diretor é o instrumento que define questões como o tempo que gastamos para nos deslocar na cidade, a segurança, a qualidade de vida e a capacidade de prevenção a eventos climáticos extremos. Nesta revisão, é fundamental ouvirmos as necessidades da população para a construção do pacto da cidade que almejamos”, afirma.

Dinâmica das oficinas - O credenciamento será aberto 30 minutos antes do horário previsto para o início das atividades e se estenderá por uma hora. Participantes que ingressarem após 30 minutos do início da dinâmica só poderão acompanhar como ouvintes e registrar sua contribuição por meio de questionário que estará disponível no local.

No acesso ao evento, os participantes vão registrar seus nomes em lista de presença e receberão um número de um a cinco, que identificará a mesa que irão compor no momento da dinâmica. Cada grupo terá no máximo 12 participantes, totalizando 60 pessoas. Caso o número ultrapasse este limite, os excedentes receberão questionário para apontar suas contribuições de forma individual.

A oficina será aberta com apresentação geral sobre os conteúdos que serão trabalhados em cada grupo, em mapas onde estarão identificadas potencialidades e carências dos bairros que pertencem à RP correspondente. Ao final da dinâmica, o relator definido para cada grupo fará a exposição das principais conclusões sobre o mapa. Após a apresentação dos resultados, a equipe da Smams encerra a atividade. As sugestões serão analisadas pela equipe técnica e, na segunda rodada de oficinas, será dado o retorno sobre as contribuições apresentadas.

A metodologia dos encontros foi testada com representantes de RPs no último dia 24. Divididos por região de planejamento, cada grupo recebeu mapas de seus bairros específicos e identificou questões como pontos de referência das regiões, carências de equipamentos, espaços abertos e infraestrutura, rotas preferidas para pedestres e ciclistas, locais de interesse cultural e ambiental, vocação e projetos que impactaram a região e demandas habitacionais. 

Para mais informações sobre a revisão do Plano Diretor de Porto Alegre, acesse o site aqui
 

Confira o calendário das próximas oficinas
 

- 23/10: RP 6 (Centro-Sul e Sul), das 18h30 às 21h30, na Cecopam (rua Arroio Grande, 50 – Cavalhada)
 

- 24/10: RP 5 (Glória, Cruzeiro e Cristal), das 18h30 às 21h30, no Auditório do Pronto Atendimento Cruzeiro do Sul - Postão da Cruzeiro (avenida Moab Caldas, 400 - Santa Tereza – em frente à Escola Alberto Bins)
 

- 26/10: RP 8 (Restinga e Extremo-Sul), das 8h30 às 12h, na Associação Comunitária Núcleo Esperança (estrada João Antônio da Silveira, 2500 – Restinga)
 

- 26/10: RP 4 (Leste e Nordeste), das 14h às 17h30, na CEJAK (avenida Joaquim Porto Vilanova, 143 - Bom Jesus)
 

- 31/10: RP 1 (Centro), das 19h às 22h, no Plenário Otávio Rocha e no Salão Adel Carvalho, da Câmara Municipal (avenida Loureiro da Silva, 255)
 

- 31/10: RP 3 (Norte e Eixo Baltazar), das 19h às 22h30, na Paróquia Santa Rosa de Lima (avenida Bernardino de Oliveira Paim, 82 – Bairro Santa Rosa)
 

- 9/11: RP 2 (Ilhas), das 8h30 às 12h, no Salão Paroquial da Associação Nossa Senhora da Boa Viagem (rua Capitão Coelho, 300 - Ilha da Pintada)


Clique aqui para conferir em qual RP está o seu bairro.

  

 

Cibele Carneiro

Taís Dimer Dihl

Acompanhe a prefeitura nas redes