Estamos migrando o conteúdo do antigo portal da PMPA. Se não encontrar o que está procurando, tente visitar o site antigo (link abre em nova janela).
Meio Ambiente e Sustentabilidade

Regiões Norte e Eixo Baltazar recebem oficina do Plano Diretor

01/11/2019 13:57
Cesar Lopes / PMPA
MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE
Temas prioritários são ocupações irregulares, saúde, alagamentos e segurança
Mais de 80 pessoas lotaram o salão da igreja Santa Rosa de Lima, no bairro Rubem Berta, na noite dessa quinta-feira, 31, quando a Secretaria Municipal do Meio Ambiente e da Sustentabilidade (Smams) promoveu a Oficina Temática – Territorial de revisão do Plano Diretor na Região de Planejamento - RP 3 (Norte e Eixo Baltazar). O secretário Germano Bremm parabenizou a comunidade pela mobilização. “A participação e o engajamento neste processo são fundamentais para a construção da Porto Alegre de 2030 que queremos”, diz, ao esclarecer que o objetivo da primeira rodada de oficinas é identificar os anseios, potencialidades e questões prioritárias a serem consideradas e enfrentadas na formulação das propostas que servirão de base para a revisão do Plano Diretor. 

As duas regiões, que correspondem à 8,65% do território de Porto Alegre, incluem os bairros Sarandi, Rubem Berta, Passo das Pedras, Santa Rosa de Lima, Parque Santa Fé, Costa e Silva, Jardim Leopoldina e Jardim Itu. Os temas prioritários identificados pelos moradores foram ocupações irregulares (regularização fundiária), equipamentos de saúde, alagamentos (saneamento) e segurança. “Este momento integra um processo muito importante. Estamos construindo a história da nossa região e ficamos muito felizes com a presença de todos vocês aqui”, destaca o conselheiro da RP3, Jackson Castro.

A abertura dos trabalhos foi realizada pela secretária adjunta, Viviane Diogo, que passou a coordenação da oficina à arquiteta Lígia Saraiva Soares, para explicação da dinâmica de trabalho. “Separamos os participantes em grupos, que identificam em mapas as potencialidades e carências dos bairros da RP 3, com orientação dos nossos técnicos. Ao final da dinâmica, uma pessoa definida para cada grupo faz a exposição das principais conclusões sobre o mapa.” As sugestões são analisadas pela equipe técnica e, na segunda rodada de oficinas, será dado o retorno sobre as contribuições apresentadas.
 
Conhecido líder comunitário da região, o conselheiro Ronie Gomes, o paulista, mobilizou as comunidades para participarem da oficina. “É aqui neste espaço que vamos dizer para prefeitura o que queremos para o nosso bairro. É o Plano Diretor que vai direcionar para onde a cidade vai andar. Todo mundo quer melhorias, então vamos construir juntos o que queremos.”
 
No dia 9 de novembro, ocorrerá a última oficina da primeira rodada, na região das Ilhas. A segunda rodada será feita a partir de novembro e passará também pelas oito regiões de planejamento. Assim como ocorreu na primeira fase, o cronograma será definido pela Smams em parceria com os representantes das RPs do Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano Ambiental (CMDUA).
 
Para mais informações sobre a revisão do Plano Diretor de Porto Alegre, acesse o site aqui. 

  

 

Aline Czarnobay

Andrea Brasil

Acompanhe a prefeitura nas redes