Desenvolvimento Social e Esporte

Eleição do Conselho Municipal do Povo Negro é transferida

13/01/2021 17:08
Maria Emília Portella/SMDS PMPA
DESENVOLVIMENTO SOCIAL
Pandemia dificultou a mobilização da comunidade

Por falta de candidatos, a eleição para 13 vagas de representantes da sociedade civil no Conselho Municipal do Povo Negro (CNegro) foi transferida para uma nova data a ser marcada. Apenas cinco entidades se inscreveram ao pleito que seria nesta quarta-feira, 13, no Centro de Referência do Negro Nilo Feijó, na avenida Ipiranga, 311.

“A pandemia dificultou a mobilização da comunidade. Precisamos de uma representação qualificada para conquistarmos mais espaço e benefícios ao povo negro em Porto Alegre. Com uma nova data, poderemos incentivar mais entidades a participar, de modo a termos um conselho forte e atuante”, enfatiza o presidente do CNegro, Giovane Talaveira. O próximo passo é a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDS) publicar um novo edital de chamamento para inscrições, de acordo com todos os prazos legais, e auxiliar o atual colegiado nas ações de mobilização.

As entidades inscritas para esta quarta-feira terão a participação assegurada no próximo pleito. São elas Associação Negra de Cultura, Associação Satélite Prontidão, Associação de Afroempreendedorismo (Odaba), União de Negras e Negros pela Igualdade (Unegro) e o Sindicato dos Servidores Federais do Rio Grande do Sul- Sindisserf/RS.

 eleição  do CNegro  tem por  base o que determina a Lei Complementar Municipal 655, de 6 de dezembro de 2010 e o Decreto Nº 17.110, de 20 de junho de 2011.

 

Maria Emília Portella

Gilmar Martins