Porto Alegre busca garantir vacina contra Covid-19 logo que esteja disponível

20/10/2020 20:09
Divulgação/PMPA
covid
Na Capital, há vacinas em fase de testes no Hospital São Lucas da PUC e no Hospital de Clínicas

Diante dos resultados de testagem de vacinas para o novo coronavirus, a Prefeitura de Porto Alegre intensificou a busca para que o munic√≠pio conte com a imuniza√ß√£o assim que esteja dispon√≠vel. Na manh√£ desta ter√ßa-feira, 20, o secret√°rio municipal de Sa√ļde, Pablo St√ľrmer, esteve na sede do Instituto Butantan, em S√£o Paulo, para reuni√£o com o secret√°rio estadual da Sa√ļde de S√£o Paulo, Jean Gorinchteyn, e diretores da institui√ß√£o. Durante o encontro, foi apresentado o projeto para a reforma do pr√©dio que deve abrigar a produ√ß√£o do imunizante Sinovac.¬†

O cronograma prev√™ a produ√ß√£o da vacina em solo brasileiro no primeiro semestre de 2021. Conforme o acordo entre o Instituto Butantan e a farmac√™utica Sinovac Life Science, do grupo Sinovac Biotech, ser√° produzida e testada a CoronaVac, j√° em fase final de ensaios cl√≠nicos, inclusive com testes sendo realizados em Porto Alegre, no Hospital S√£o Lucas da PUC. O Instituto Butantan √© um dos maiores centros de pesquisa biom√©dica do mundo. Atua no desenvolvimento e produ√ß√£o de imunobiol√≥gicos que s√£o fornecidos ao Sistema √önico de Sa√ļde (SUS).

Na tarde desta ter√ßa, St√ľrmer viajou a Bras√≠lia, onde reuniu-se¬†com o secret√°rio nacional de Vigil√Ęncia em Sa√ļde, Arnaldo Medeiros, para atualiza√ß√£o do cen√°rio do desenvolvimento de vacinas contra a Covid-19 no pa√≠s. A inten√ß√£o √© ampliar as possibilidades de garantia r√°pida da imuniza√ß√£o para a Capital.

Em testes - Atualmente, são quatro vacinas sendo testadas no país. Em Porto Alegre, além da CoronaVac, também está em fase de testes, no Hospital de Clínicas, a vacina desenvolvida na FioCruz em parceria com a Universidade de Oxford e a empresa biofarmacêutica AztraZeneca. 

Durante a agenda¬†em Bras√≠lia, o Minist√©rio da Sa√ļde assinou protocolo de inten√ß√Ķes para adquirir 46 milh√Ķes de doses da Vacina Butantan - Sinovac/Covid-19, em desenvolvimento pelo Instituto Butantan. Foi um passo importante na estrat√©gia de ampla oferta de vacina√ß√£o aos brasileiros. Somadas, as¬†vacinas AstraZeneca, Covax e Butantan-Sinovac representam 186 milh√Ķes de doses¬†a serem disponibilizadas ainda no primeiro semestre de 2021.

As doses ser√£o distribu√≠das a todo o Brasil por meio do Programa Nacional de Imuniza√ß√Ķes (PNI). Al√©m delas, a partir de abril, a Fiocruz deve come√ßar a produ√ß√£o pr√≥pria da AstraZeneca e disponibilizar ao pa√≠s at√© 165 milh√Ķes de doses durante o segundo semestre de 2021.¬†

Como a Butantan-Sinovac e a AstraZeneca est√£o em etapas avan√ßadas de produ√ß√£o ‚Äď ambas em fase 3, com testagem¬†em milhares pessoas ‚Äď, a previs√£o √© de que a vacina√ß√£o comece em janeiro de 2021. Para isso, no entanto, √© importante ressaltar que elas devem ser liberadas pela Anvisa e ter efic√°cia e seguran√ßa garantidas - conforme preconiza o Minist√©rio da Sa√ļde. Primeiramente, profissionais de sa√ļde e grupos de risco receber√£o as vacinas.

Para mais informa√ß√Ķes sobre o coronav√≠rus,¬†clique aqui.

Veja aqui as √ļltimas not√≠cias sobre a pandemia.

  

 

Neemias Freitas

Elisandra Borba