Infraestrutura e Mobilidade Urbana

Bernardino Silveira Amorim terá nova pavimentação asfáltica

06/08/2020 08:49
Maria Ana Krack / PMPA
INFRAESTRUTURA E MOBILIDADE URBANA
Trabalhos ocorrem entre a avenida Assis Brasil e avenida Bernardino Silveira Pastoriza, nos dois sentidos da via

Mais uma importante via da Zona Norte está recebendo obras de recuperação estrutural de pavimentos. Os trabalhos ocorrem no trecho da avenida Bernardino Silveira Amorim, entre a avenida Assis Brasil e avenida Bernardino Silveira Pastoriza, nos dois sentidos da via, totalizando 2.704 metros de extensão. O investimento, de R$ 1.616.238,47, é proveniente de financiamento da Corporação Andina de Fomento (CAF). Apesar da pandemia, a Prefeitura de Porto Alegre manteve os investimentos com recursos de financiamentos e que já tinham destinação garantida. Nesta semana, a empresa executora iniciou o serviço de fresagem (remoção da camada asfáltica existente) para posterior execução da pavimentação.

Já foi feito hidrojateamento total em 1.706 metros de redes de drenagem, limpeza em 210 bocas de lobo e poços de visita. As próximas etapas são a execução de 30 metros de nova rede de drenagem e de 25 rampas de acessibilidade e nova sinalização. A estimativa é que a conclusão ocorra em outubro. De acordo com o secretário municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Smim), Marcelo Gazen, esse tipo de obra é inédito na Capital e realizado a partir de um estudo da prefeitura e elaboração de projeto com a intervenção apropriada para cada local. “Além da adição de polímeros, que vai elevar a durabilidade e evitar o surgimento de buracos no asfalto, essas intervenções contemplam melhorias completas na parte de drenagem, acessibilidade e sinalização”, destaca.

Recuperação estrutural - Nos dois primeiros lotes das obras já em andamento, estão sendo investidos mais de R$ 23 milhões com recursos de financiamento da Cooperação Andina de Fomento (CAF). No lote 1, além da obra da Nilo Peçanha já concluída, as avenidas Ipiranga (em dois locais), Protásio Alves e Antônio de Carvalho estão em andamento. No lote 2, um dos trechos da Bento Gonçalves está concluído e há obras em outro trecho. Também recebem as melhorias a João de Oliveira Remião e a Bernardino Silveira Amorim. Essas obras fazem parte do maior programa de requalificação asfáltica da história de Porto Alegre. Mais sete lotes de ruas e avenidas estão em licitação: os lotes 1, 2 e 3 da requalificação funcional e os lotes 3, 4, 5 e 6 da requalificação estrutural terão investimento total de R$ 113 milhões. Somados aos R$ 23 milhões dos lotes 1 e 2, já em execução, são R$ 136,77 milhões em financiamentos para entregar aos porto-alegrenses vias com asfalto de mais qualidade e maior durabilidade.

Nos últimos 20 anos, Porto Alegre não investiu nesse tipo de requalificação estrutural das vias. A necessidade foi levantada a partir de um diagnóstico feito pela Diretoria-Geral de Conservação de Vias Urbanas (DGCVU), que apontou que 80% das vias de Porto Alegre estão com a malha viária vencida devido à falta de investimentos, principalmente em saneamento.

Trânsito - A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) informa que a avenida tem bloqueio parcial, de meia pista e passeio. A interrupção segue até a conclusão dos serviços, e agentes irão monitorar a região para orientação e segurança dos motoristas.

 

 

  

 

Isabel Lermen

Gilmar Martins

coronavirus-cartao-social.png

Acompanhe a prefeitura nas redes