Agora, este é o portal oficial da Prefeitura. Se não encontrar o que precisa, utilize o menu, acesse uma secretaria específica e localize o respectivo link de acesso ao site antigo.
Infraestrutura e Mobilidade Urbana

Concluída obra de pavimentação estrutural da avenida Nilo Peçanha

08/05/2020 17:08
Jefferson Bernardes/PMPA
EXECUTIVO
Prefeito Nelson Marchezan Júnior vistoriou o trecho de 680 metros nesta sexta-feira

A primeira obra de pavimentação estrutural do Plano de Requalificação de Vias de Porto Alegre está concluída. O prefeito Nelson Marchezan Júnior vistoriou o local na tarde desta sexta-feira, 8. Iniciado em janeiro, o trecho de 680 metros nos dois sentidos da avenida Nilo Peçanha, entre a rua Tomaz Gonzaga e a avenida Carlos Gomes, foi completamente recuperado. O investimento de R$ 1.438.815,56 é proveniente de financiamento da Corporação Andina de Fomento (CAF) e não impacta nos investimentos essenciais ao Município durante a pandemia do coronavírus. 

O critério para requalificação viária são ruas e avenidas de grande circulação de trânsito, que apresentem deformação na estrutura do pavimento. Na Nilo Peçanha, por exemplo, circulam mais de 60 mil veículos diariamente. As obras foram iniciadas nas férias escolares, para causar menor transtorno possível no trânsito, e a fase final foi executada durante a pandemia da Covid-19. De acordo com a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), o impacto no trânsito, neste momento em que a população cumpre medidas de contenção, é menor do que em períodos de normalidade, porque o movimento de veículos na cidade está 38% mais baixo. 

“A requalificação da Nilo estará pronta na retomada da vida normal das pessoas que usam a via. Mesmo com a pandemia, a prefeitura decidiu manter investimentos nas obras públicas com recursos já carimbados de financiamentos, para que a cidade esteja mais atrativa a investidores e também para preservar os empregos do setor neste momento.” Prefeito Nelson Marchezan Júnior

Segundo o secretário municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana, Marcelo Gazen, esse tipo de obra é inédito na Capital e realizado a partir de um estudo da prefeitura e elaboração de projeto com a intervenção adequada para cada local. A avenida recebeu os serviços de drenagem/hidrojateamento; fresagem; pavimentação asfáltica em concreto betuminoso usinado a quente (CBUQ); placas de concreto nas quatro paradas de ônibus, acessibilidade, sinalização vertical e horizontal - incluindo execução de lombada. "Além da adição de polímeros, que vai elevar a durabilidade e evitar o surgimento de buracos no asfalto, temos melhorias completas na parte de drenagem, minimizando os alagamentos", explica o secretário.

Recuperação estrutural - Nos dois primeiros lotes dessas obras já em andamento, estão sendo investidos mais de R$ 23 milhões com recursos de financiamento da CAF. No lote 1, além da obra da Nilo Peçanha já concluída, trechos das avenidas Ipiranga (2), Protásio Alves e Antônio de Carvalho estão em andamento. No lote 2, os serviços começaram em dois trechos da avenida Bento Gonçalves e serão feitos também na rua Bernardino Silveira Amorim e Estrada João de Oliveira Remião. 

Nos últimos 20 anos, Porto Alegre não investiu nesse tipo de requalificação estrutural das vias. A necessidade foi levantada a partir de um diagnóstico feito pela Diretoria-Geral de Conservação de Vias Urbanas (DGCVU), que apontou que 80% das vias de Porto Alegre estão com a malha viária vencida devido à falta de investimentos principalmente em saneamento.

Isabel Lermen

Gilmar Martins

Acompanhe a prefeitura nas redes