Estamos migrando o conteúdo do antigo portal da PMPA. Se não encontrar o que está procurando, tente visitar o site antigo (link abre em nova janela).
Planejamento e Gestão

Concessão da Orla é tema de reunião com permissionários

03/12/2019 17:29
Aline Rimolo/SMPE PMPA
PARCERIAS ESTRATÉGICAS
Trecho 1 da Orla está em consulta pública junto com o Parque Harmonia

O funcionamento dos bares do Trecho 1 da Orla do Guaíba com a concessão do espaço foi o tema da reunião realizada nesta terça-feira, 3, na Secretaria Municipal de Parcerias Estratégicas (SMPE). 

Na ocasião, o secretário municipal de Parcerias Estratégicas, Thiago Ribeiro, explicou aos permissionários do 360 Poa Gastrobar e Sunset Poa Orla do Guaíba que o projeto deverá respeitar plenamente qualquer tipo de contrato que esteja em vigor. “Tudo que estiver escrito no termo de permissão atual será mantido. Não queremos que sejam descontinuados os serviços existentes hoje, pois concordamos que eles elevaram o nível de qualidade e de visitas ao local”, pontua.

Ribeiro ressaltou ainda que este é o período para que contribuições que qualifiquem o projeto sejam feitas, incluindo as demandas dos atuais permissionários. “Estamos com a consulta pública aberta até o dia 18. Toda sugestão que possa tornar o projeto mais robusto, documentos que comprovem os investimentos feitos nos espaços e os prazos acordados para permanecer no Trecho 1 devem ser enviados para que estejam no edital”, frisa. Além da consulta, a prefeitura também realizará uma audiência pública no dia 18, às 10h, no Auditório Araújo Vianna. 

O Trecho 1 da Orla está em consulta pública junto com o Parque Harmonia. A concessionária que assumir os dois espaços públicos terá um contrato com o Município de 35 anos. A outorga fixa prevista é de R$ 200 mil e o investimento de R$ 59 milhões. O montante deverá ser empregado na infraestrutura do Parque Harmonia. 

O concessionário ficará responsável pela manutenção de infraestrutura e provisão de serviços como segurança, limpeza, jardinagem, entre outros. Também irá acompanhar a transição contratual dos restaurantes e bares. Para o Parque Harmonia, as obrigações são as mesmas, incluindo a construção de edificações e o fomento de atividades que valorizem a história e a cultura do Rio Grande do Sul. 

 Além dos permissionários, participaram da reunião o vereador Mauro Pinheiro; o gerente do projeto do Parque Harmonia e Trecho 1 da Orla, Rodrigo Góes; a chefe de gabinete da SMPE, Luciana Martins; e o diretor jurídico da SMPE, Gabriel Sperotto Anawate.

 

Aline Rimolo

Taís Dimer Dihl

Acompanhe a prefeitura nas redes