Executivo

Obras de infraestrutura e pavimentação demandadas pela comunidade avançam na Zona Sul

04/08/2020 15:06
Jefferson Bernardes / PMPA
EXECUTIVO
Prefeito conversou e ouviu demandas de moradores na manhã desta terça-feira

As estradas das Furnas e dos Alpes, no bairro Vila Nova, estão recebendo obras de infraestrutura e pavimentação demandadas por meio do Orçamento Participativo (OP), que irão beneficiar mais de 42 mil pessoas. A extensão dos trechos soma cerca de três quilômetros e investimento de R$ 7,8 milhões, provenientes de financiamento da Corporação Andina de Fomento (CAF). O prefeito Nelson Marchezan Júnior, acompanhado do secretário de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Smim), Marcelo Gazen, e de representantes da empresa executora, vistoriou os serviços na manhã desta terça-feira, 4.

A Estrada dos Alpes já está concluída. Na Estrada das Furnas, que é dividida em quatro trechos, um deles está

Jefferson Bernardes / PMPA
EXECUTIVO
Extensão dos trechos soma cerca de três quilômetros, que recebem investimento de R$ 7,8 milhões

concluído e três já estão na fase de terraplanagem e pavimentação. Entre as melhorias implementadas, a partir de demandas da comunidade pelo OP 2011/2012, estão redes de drenagem com galerias, pavimentação, passeios em concreto, rampas de acessibilidade e sinalização.

“Essas vias eram de chão batido. Estamos realizando obras completas, onde a infraestrutura e a parte de pavimentação e passeios com acessibilidade proporcionam, além de segurança viária, um ganho significativo de qualidade de vida para os moradores da região”, destaca o prefeito. 

A prefeitura está conseguindo manter as obras com recursos já contratualizados e investimentos já gravados, para melhorar a cidade, mesmo em meio à crise financeira causada pela pandemia. “Essas obras são de grande complexidade, pois são executadas sobre rocha na maior parte da extensão”, explica o secretário Gazen. 

Plano de Requalificação de Vias – O plano abrange um conjunto de sete lotes de obras de infraestrutura e pavimentação eleitas como prioritárias pelo Orçamento Participativo (OP), iniciadas em 2017, que estão com 85% do contrato executado. Os recursos são provenientes de financiamento do Banco de Desenvolvimento da América Latina – Corporação Andina de Fomento (CAF). O investimento total nos sete lotes é de mais de R$ 54 milhões, contemplando 38 vias, em um total de 15,573 quilômetros de obras. Já foram investidos cerca de R$ 47 milhões, e 23 vias estão concluídas.

 

  

 

Isabel Lermen

Fabiana Kloeckner

coronavirus-cartao-social.png

Acompanhe a prefeitura nas redes