Mapa do Aedes

No mapa acima, acompanhe em tempo real a condição das armadilhas de monitoramento. Cada círculo é uma armadilha. Armadilha com fundo azul aguarda vistoria; verde, não houve captura de fêmeas de Aedes aegypti na semana; amarela, uma fêmea; laranja, duas fêmeas; e vermelha, três fêmeas ou mais.

Infestação

Entre os dias 31/07 e 06/08/22 (semana epidemiológica 31/2022), o Índice Médio de Fêmeas de Aedes aegypti (IMFA) esteve no nível SATISFATÓRIO, com índice 0,00 (Gráfico abaixo). Nenhuma fêmea foi coletada nas 138 armadilhas vistoriadas.

Clique no Gráfico abaixo para visualização ampliada.

 

IMFA-semana31Novo.png

 

Acompanhe a situação do IMFA nos bairros monitorados com armadilhas aqui

Para compreender os conceitos de índices de infestação clique aqui.

Acesse o Boletim Epidemiológico de Arboviroses da Semana 27

Clique no mapa abaixo e compare a situação da semana atual com o mapa das quatro semanas anteriores. 

 

vigaedes-Poa.png

Como usar o mapa:

O mapa possui dez camadas que podem ser vistas separadamente ou em combinações de duas ou mais. 

Para navegar no mapa, utilize o mouse para arrastar em todas as direções e obter um zoom.

Na legenda do mapa, à esquerda, habilite e desabilite a camada desejada clicando no marcador que se encontra ao lado do título de cada camada.


Selecione as camadas desejadas, dê um zoom no mapa e clique nos círculos para obter informações sobre casos e coletas nas armadilhas ou dê um clique dentro da área das divisões territoriais. As informações são referentes à camada que estiver selecionada.


Para fazer uma busca, por endereço, nome de Unidade de Saúde (US), locais com casos de dengue, bairros, etc:

- clique na lupa que se encontra à esquerda superior do mapa, junto à legenda; 

- ao clicar na lupa, surgirá o espaço para digitação;

- digite a informação desejada;

- dê um clique em cima do resultado da busca; o mapa fará um zoom no local.

 

Notícias

Vírus das doenças são transmitidos a humanos pela picada do mosquito Aedes aegypti

Vigilância alerta para cuidados com arboviroses em viagens de férias

Recomendação é para quem se desloca para as regiões Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste do país e, também, para o interior e litoral gaúchos.

Ter, 26/07/2022 - 14:15
Foto: Cristine Rochol - Aedes aegypti, o vetor da dengue, zika e chikungunya

Cenário epidemiológico leva Capital a regressar ao nível zero no Plano de Contingência da Dengue

A redução sustentada no número de casos, associada à sazonalidade da doença e aos baixos índices de infestação vetorial, levou ao retorno ao nível zero do Plano de Contingência de Arboviroses municipal. Desta forma, seguem mantidas as medidas de controle e vigilância de dengue, zika e chikungunya, e encerra-se a publicação semanal de boletins epidemiológicos.

Ter, 12/07/2022 - 18:46

Mapa desenvolvido por: logo ecovec
Acompanhe também: logo_rs_contra_aedes
Informações e denúncias:fala poa