Pneus

pneu.jpg

Os pneus velhos ocasionam problemas quando destinados a aterros sanitários, por não serem compactáveis. Quando aterrados, ocasionam problemas ligados às drenagens de líquidos e gases. Além disso, são de difícil degradação, permanecendo por muitos anos intactos. Mais impacto ainda geram quando descartados em rios, córregos e demais corpos d’água, assoreando-os, ou quando dispostos a céu aberto, pois se tornam habitat de vetores, como o mosquito transmissor da dengue.

O Conselho Nacional do Meio Ambiente ‚Äď CONAMA -, expediu a resolu√ß√£o 416/2009 estabelecendo a¬†responsabilidade dos fabricantes, importadores, remoldadores e reformadores sobre a destina√ß√£o de pneus e demais artefatos pneum√°ticos inserv√≠veis. Em conformidade com tais resolu√ß√Ķes, a cada ano os fabricantes e importadores de pneus dever√£o destinar um n√ļmero de carca√ßas proporcional ao n√ļmero de novos produtos que coloquem no mercado.

J√° a Pol√≠tica Nacional de res√≠duos s√≥lidos, Lei Federal 12.305/2010 estipula, em seu artigo 33, que " s√£o obrigados a estruturar e implementar sistemas de log√≠stica reversa, mediante retorno dos produtos ap√≥s o uso pelo consumidor, de forma independente do servi√ßo p√ļblico de limpeza urbana e de manejo dos res√≠duos s√≥lidos, os fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes de¬†pneus".

Atualmente, este tipo de resíduo está sendo reaproveitado e reciclado para a fabricação de diversos artefatos e em projetos ainda em estudo. 

 

O que fazer


Quando o cidad√£o for trocar os pneus de seus ve√≠culos, a recomenda√ß√£o √© deixar os velhos aos cuidados da empresa revendedora. H√° ainda possibilidade de entrega de at√© 4 pneus por pessoa em uma das Unidades de Destino Certo da Capital¬†(veja¬†clicando aqui). Al√©m disso, a Associa√ß√£o Nacional da Ind√ļstria de Pneum√°ticos disp√Ķe de um ponto para entrega volunt√°ria de pneus inserv√≠veis em Porto Alegre:¬†Av. Pl√≠nio Kroeff, 2050 - Telefone: (51) 8412-7574.
 

Atualmente os pneum√°ticos inserv√≠veis est√£o sendo picados e encaminhados para ind√ļstrias cimenteiras, para utiliza√ß√£o, dentro da lei, como combust√≠vel auxiliar dos fornos.