Remuneração do Sistema de Transporte Coletivo

A nova metodologia de calculo tem como base o custo por quilômetro rodado, o CKM. Ele, multiplicado pela quilometragem rodada pela frota, aponta o custo da operação. A diferença, entre esse custo e a receita calculada através do número de passageiros transportados e a tarifa definida, será aportada pelo município para subsidiar todo o sistema. 

 

400_ckm2.jpg

 

Vantagens do novo método

 

O cálculo do que será aportado no sistema por quilômetro rodado permite que a prefeitura tenha um maior controle da operação e consequentemente possa fazer uma melhor gestão do serviço, oferecendo um melhor atendimento à população.