Biblioteca Jornalista Roberto Eduardo Xavier

A Biblioteca Jornalista Roberto Eduardo Xavier √© aberta ao p√ļblico e funciona de segunda a sexta-feira. No acervo do espa√ßo √© poss√≠vel encontrar cerca de 14 mil obras e normas t√©cnicas e ambientais, al√©m de exemplares da literatura brasileira¬†que podem ser emprestados mediante cadastro ou consultadas no local.
 

Hist√≥rico -¬†¬†Quando foi criada, em 1976, ¬†pela Lei n¬ļ 4.235, de 21 de dezembro, a Biblioteca possu√≠a 500 volumes e ocupava uma √°rea de 12m¬≤, sendo denominada na √©poca como Banco de Bibliografia e Documenta√ß√£o T√©cnica, vinculada ao Centro de Estudos e Pesquisas da Supervis√£o do Meio Ambiente, na avenida Borges de Medeiros, 2244. No in√≠cio de 1985, foi transferida para a avenida Carlos Gomes, 2120, no bairro Tr√™s Figueiras, com uma √°rea de 103m¬≤. Por meio do Decreto n¬į 9.511, de 8 de setembro de 1989, a Biblioteca passou a denominar-se Biblioteca Jornalista Roberto Eduardo Xavier, em homenagem ao jornalista porto-alegrense que foi o primeiro secret√°rio da Secretaria. Em junho de 1994, com apoio da FAPERGS, a Biblioteca foi pioneira no uso da Internet dentro da Institui√ß√£o, contando com uma linha discada, via TELNET. No mesmo per√≠odo, implantou-se o sistema automatizado de Bases de Dados em CDS/ISIS, tornando-se pioneira, tamb√©m, na automa√ß√£o de Bibliotecas na Prefeitura Municipal.

Em agosto de 2001, provisoriamente, transferiu-se para um pr√©dio alugado na rua Alfa, 111, instalando-se numa √°rea de 134m¬≤. A mudan√ßa ocorreu por motivo de demoli√ß√£o do pr√©dio antigo. Em 7 de maio 2003, transferiu-se para as novas instala√ß√Ķes da sede da Smamus, na Rua Luiz Voelcker, 55, ocupando um espa√ßo f√≠sico de 295m¬≤. Desde ent√£o, a Biblioteca possui, no primeiro pavimento: obras de refer√™ncia, acervo t√©cnico-cient√≠fico ambiental e a Biblioteca Ecol√≥gica Infantil Maria Dinorah (com literatura infanto-juvenil com tem√°tica ecol√≥gica), terminal de consulta ao cat√°logo on-line e √† internet, balc√£o de refer√™ncia, sala das bibliotec√°rias, sala de processamento t√©cnico; e no mezanino: documentos institucionais, cole√ß√Ķes especiais (como o acervo da antiga Smurb e acervo de Magda Renner) peri√≥dicos, livros de literatura.

A partir de 2007, integrou-se à Rede de Bibliotecas da Prefeitura de Porto Alegre (PMPA), atualmente constituída por 23 bibliotecas, localizadas em escolas municipais, Secretarias e Departamentos da PMPA. O acervo  pode ser acessado através do catálogo on-line.

Empréstimo 

Consulte a Carta de Serviços.

O p√ļblico externo usufrui da consulta local e do empr√©stimo de materiais bibliogr√°ficos (prazo de 7 dias), condicionados ao n√ļmero de exemplares e tipologia do material. O cadastro tem validade de um ano e √© necess√°rio trazer a seguinte documenta√ß√£o:
- comprovante de residência
- documento de identidade e CPF

 

Legislação Ambiental de Porto Alegre

Com o Sistema de Legisla√ß√£o Ambiental do Munic√≠pio de Porto Alegre (SISLAP), implantado pela Biblioteca desde 2001, qual reuniu-se a legisla√ß√£o numa base de dados, com texto dos atos na √≠ntegra, al√©m do armazenamento e recupera√ß√£o das informa√ß√Ķes de cada dispositivo. Foram disponibilizados os atos legais mais solicitados, atinentes √† √°rea ambiental no √Ęmbito do Munic√≠pio para instrumentaliza√ß√£o de estudos t√©cnicos, ¬†procedimentos administrativos e/ou judiciais. ¬†
 
Atualmente os atos legais s√£o compilados em dois sites, pela Biblioteca da Smamus em parceria com a PGM:

- Para Instru√ß√Ķes Normativas e Resolu√ß√Ķes do Comam, acesse o Sistema de Apoio a Publica√ß√£o de Normas, clicando aqui¬†
- Para Decretos, Leis Ordin√°rias, Leis Complementares, acesse o Sistema Leis Municipais, clicando aqui.

 

biblio.jpeg

 

Endereço: Rua Luiz Voelcker, 55 -  térreo
Horário de atendimento: segunda a sexta-feira, das 8h30 às 12h e das 13h30 às 18h
Telefone: 3289-7519 e 3289-7520
E-mail: biblioteca.smamus@portoalegre.rs.gov.br