Informações Esgoto Cloacal

210513_ETE São João Navegantes_ Luciano Lanes(8)-14.jpg

Porto Alegre conta com 10 Estações de Tratamento (ETEs), 36 de bombeamento (EBEs), atendendo às mais de 650 mil economias ativas. Mais de 91,30% da população é atendida com coleta de esgoto, mas apenas 57% do esgoto produzido é tratado. Desde a construção da ETE Serraria (ano), a cidade tem capacidade de tratar 80% do esgoto coletado. Por isso, os esforços estão concentrados nas obras de ampliação de redes e na regularização de ramais domiciliares.

O QUE É ESGOTO CLOACAL OU SANITÁRIO?

Esgoto é o nome que se dá à água após ter sido utilizada em banhos, descargas de vasos sanitários, pias e outros fins. Aqueles originados nas residências formam os esgotos domésticos (cloacal), os despejados pelas fábricas recebem o nome de esgotos industriais e os formados pelas águas das chuvas são os esgotos pluviais.

COMO O ESGOTO É CAPTADO?

O esgoto cloacal é captado das residências - por intermédio de tubulações (canos), que constituem um sistema (rede) coletor de esgoto - para depois ser conduzido, por meio de bombas ou por gravidade, às Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs), e posteriormente ser lançado no Lago Guaíba. O esgoto quando não tratado, pode contaminar os alimentos, os animais, o solo e os mananciais hídricos (fontes de abastecimento de água para a população).

Esgoto-cloacal-2.jpg


ESGOTO EM NÚMEROS

10 Estações de Tratamento (1 em descomissionamento)
36 Estações de Bombeamento
+ 2 mil km de rede
668 mil economias ativas (71,61% separador absoluto)
91,48% da cidade - afastamento
80% é a capacidade de tratamento
58% do esgoto produzido é tratado


Saiba mais sobre Fossas Sépticas: aqui